Porque o Caminho dos 12 é mais rápido

IMG_0101

Curiosidade sobre esta concha: ela estava virada na praia , quando a vi e estava cheia de areia, quando a lavei no mar, achei a mensagem muito direta, obrigada mundo espiritual, foi num curso em 2004, no Hawaí . É esta espiral que dividida em 12 partes, todos os múltiplos de 12 , serão uma reta bem curta, diferente dos outros números.

Como essa frase veio até mim, eu ainda não lembro, mas é certo que podemos procurar respostas em várias fontes, e muitas delas vão estar corretas, porque onde há verdade há congruência de caminhos.

Gostaria de focar numa fonte apenas e gostaria que você, procurasse onde mais há congruência do Caminho dos 12.

Existe alguma informação aí que não estamos percebendo, existe algo a ser olhado com profundidade, algo a  ser amadurecido dentro de nós para que possa florescer algum ensinamento profundo e uma vivência dentro dessa verdade, vamos ver algo sobre isso.

O que gostaria de compartilhar com vocês faz parte de um livro medieval , a História de Parsifal, aquele que anda no meio de tudo,  que foi escrito lá na Idade Média,  porém fala com a alma e com o aprendizado de como SER, que seria um dos primeiros verbos , e que muitas vezes não estamos atentos e algumas vezes temos, outras agradamos, e cada vez que deixamos o Ser por último, sistemicamente, vamos desrespeitando a nossa essência, a nossa luz.

Há m trecho da história de Parsifal, onde uma das personagens sua tia, lhe dá uma informação, que pode parecer velada, a olhos não atentos, seu amor,  morreu por conta de uma tarefa que ela lhe impôs , coisa normal naquela época, uma vez que o cavaleiro estava a seu serviço, porém ele concluiu a tarefa porém morreu em consequência disso.

A tarefa era conseguir a coleira de um cachorro, onde haveria um segredo.

Sabemos por figuras em todas as culturas, que cachorros , felinos, dragões, serpentes, são guardiões de portais.  Neste caso da história , que portal? a história é uma das lendas do Graal, o que produz uma vida de plenitude máxima, o cálice , que a tudo dá origem. Aquele que materializa seus desejos, enfim a lista fica grande , e as perguntas em igual número, do que é realmente o Graal, mas enfim, voltamos a falar dos 12.

Essa tia de Parfisal, lhe dá o primeiro encontro com a morte e lhe entrega, esse presente que lhe custou tão caro. O jovem não está ainda preparado, para saber do que se trata, talvez ela tenha jogado ainda mais fora esse presente, uma por não aproveitar, outra por entregar a alguém que ainda não está pronto.

Você só entra nesse portal se os guardiões forem seus amigos. Ou seja, se você dominar as forças animais, ou seja as forças metabólicas, ou seja complete você mesmo com o que acha de direito e com as tuas verdades.

Também, em visitas por catedrais medievais, é muito fácil, em cada ponto do leste, que indica, o solstício, haver a figura ou do leão, ou dos 12 apóstolos e o Cristo ao Centro, ou ambas, demarcando aquele lugar.

Na história que falamos aqui, quais seriam os 12, falamos aqui das 12 virtudes,  que estariam relacionadas também as forças do zodíaco, uma vez que se encontram em círculo na a´bóboda celeste.

                 Aqui vale ressaltar, talvez uma evidência geométrica, seja  traçar uma espiral e dividí-la igualmente em 12 partes , a cada divisão atribuir um número, se você estabelecer traçados de números múltiplos, a linha que une múltiplos de 12 é a reta mais curta para se chegar ao centro.  Se você traçar os múltiplos de 5 , terá estrelas, de 7 também, e assim por diante.

                Essa a meu ver seria uma das evidências de que o caminho dos 12 é o mais curto , ou o mais rápido.

                Bons ouvidos para quem tem.

                Aqui, vamos descrevendo esses caminhos, essas virtudes, que também falam dos animais do zodíaco. Mesmo em outras culturas, há outros animais, sempre 12, e sempre animais…

                Resumindo:

1 – Coragem – forte coragem, mas esta coragem vem da disciplina, sem a disciplina vira fúria e pode ser danosa.  Estamos em áries.

2 – Pureza –  aqui nos encaminhamos bem se temos pureza na alma. Estamos em touro. O que é esta pureza, o mais alto grau,  a virgindade de alguns santos, poderíamos pensar, até os pássaros obedecerem, pois se o astral é tão puro até os pássaros obedecem, o domínio do mundo dos sonhos.  Então aqui vemos a necessidade da congruência do mundo do pensar com o mundo do Ser, já vi algumas pessoas falando que no mundo do pensamento tudo é permitido, com certeza tudo pode, mas será que tudo convém, essa virtude é bem clara sobre isso.

3 – Bondade –  com docilidade, poderíamos aqui encaixar a compaixão , bondade compassiva, aquela que ajuda , sem dó , pois no dó , não há compaixão , a compaixão é ativa, não se lamuria, vai e ajuda. Estamos em gêmeos.

4 – Fidelidade – fidelidade a estirpe espiritual, e as próprias metas, convicções, será que as nossas metas são ecológicas, se elas fazem o bem a mim, o bem ao meu próximo e o bem a minha comunidade maior,  então elas são inteiramente boas e as consequencias também ajudam a todos. Estamos em cancer.

5 – A medida certa – e tudo você precisa procurar a medida certa, nenhuma ação , sentimento, está certo , se você não acha a medida certa. Com certeza esse é o caminho do meio, se você só fala a verdade, você pode se tornar um chato, mas se você conhece o caminho do meio, falar a verdade quando é preciso defender a verdade, e dizer que a roupa de seu companheiro está bem quando é questionado sobre isso, ou sugerir que talvez com a camisa de outra cor fique melhor, é um caminho do meio. Aqui é leão.

6 – Preocupação – não sei se esta palavra se aplica tão corretamente com a preocupação de para onde vai a humanidade, com a evolução do ser humano, para onde estamos indo com nossos caminhos, como um todo. Aqui estamos em virgem.

7 – Vergonha – talvez mais pudor,  ter a sensibilidade de achar o jeito certo, nem tudo pode ser de qualquer jeito, senão a gente perde a vergonha, a decência, a moralidade.  Para isso , estamos em libra.

8 – Humildade – é preciso muita, mas pense em muita, e aumente, se não tivermos humildade, o poder vira tirania, se não tivermos humildade a sabedoria vira arrogância. Aqui é a casa de escorpião.

9 – Perseverança – se eu conheço meu propósito, ele é mais forte do que a vida, mudo até meu sistema imunológico, se este propósito é serviço, o Universo conspira a meu favor, pois ele precisa da minha entrega, não tem que me tire do caminho, ser insistente. Na história , Parsifal é tão perseverante que consegue mudar a idéia de Deus. Estamos em sagitário.

10 – Devoção – se entendo o que não dá para mudar , me ajoelho diante de um ideal maior do que eu.  Entendo os planos do Universo. A minha cabeça baixa, meu coração fica em paz.  Aqui vale , lembrar da pequena devoção , que muitos não dão importância, mas que também aquece o coração, uma mesa bem arrumada, a benção antes das refeições, o ritual, o amor e cultivo pela beleza, uma dança, um sorriso, uma devoção ao outro. A pequena devoção traz as alegrias e colorido da vida.  Quando o tempo era maior, isso era mais evidente, como o almoço demorado, o mastigar saboreando cada prato e o desvelo de quem preparou, sem correria, mas pelo simples prazer da vida e da gratidão.  Também vale aquela frase , melhor ser feliz do que ter razão.  Aqui estamos na casa de capricórnio.

11 – Paciência – treinar para poder esperar.  Aprendi muito essa virtude na pintura a óleo, não dá para ter pressa, determinado efeito só se consegue com a tinta empastada, você pinta e espera alguns dias , para depois trabalhar a tela novamente, ouro efeito , só  em camadas, e uma depois da outra já seca. Enfim pintar a óleo , deveria ser trazer a paisagem , trazer a mensagem, de passo em passo. Esta é a virtude da paciência, entender os ciclos, entender o desenvolvimento.  As idéias que a gente vislumbra precisa ter um tempo para se materializar, e tem que haver prontidão , senão passos precisam ser aprendidos. Estamos em aquário.

12  – Amor – esta dizem ser o signo de Jesus, só se chega a ela, depois que se desenvolve as 11 anteriores. Necessita de sabedoria, de entendimento, de aprendizado. É a virtude máxima.

Ainda lembrando que esta história está nas lendas medievais, com uma pequena curiosidade as famílias e os castelos relatados ali são reais, e o contexto da época, era que meninos e meninas depois da puberdade iam servir famílias de nobres, não para serem poupados , mas para amadurecerem com trabalho árduo, com aprendizados profundos, está certo que esse tempo era dos sentimentos, não do sentimentalismo como hoje , mas da importância do sentimento, tudo era muito mais intenso no âmbito dos sentimentos, se sentia o mundo espiritual com muito mais intensidade do que hoje.

Tive a oportunidade de visitar em Sintra, alguns poços de iniciação medieval, com tuneis e escadarias  em espiral, ninguém faria aquilo por diversão, mas sim por uma profunda vivência espiritual.

Aqui algum trecho desta sabedoria que era da tradição oral: “quem não tem preguiça e sempre caminha tem o necessário, não há o desprezo pelo material, mas sim a consciência, da materialização que se faz , com a cabeça certa e a vontade disposta, a medida certa no coração o material chega até você. “

Sabemos que estes cavaleiros acumularam muitas riquezas para si e suas damas,  a força a serviço da sabedoria, mas também não é relatado em nenhuma página nenhuma corrida pelo dinheiro, mas sim o ideal de serviço.

Agradeço a tua leitura, por me permitir levar a minha mensagem adiante! Deixe seu comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s